Exercício de máscara faz mal? Saiba mais

novembro 10
Exercício de máscara faz mal? Saiba mais

O uso da máscara se tornou uma obrigação para todos que precisam sair de casa e isso vale também para quem pratica atividade física. O item é essencial para barrar o avanço do coronavírus. No entanto, muitas pessoas têm receio de usar o acessório e acreditam que fazer exercício usando máscara faz mal. Será que essa afirmação tem fundamento? Vem saber agora com a gente.

Por que é importante usar máscara durante o exercício físico?

A máscara é um importante acessório que dificulta a contaminação por doenças provocadas por vírus, como a Covid-19. Isso porque ela impede que as gotículas de saliva e outras secreções sejam transmitidas entre as pessoas que estão perto uma da outra.

Quando a máscara é usada corretamente, a boca e o nariz ficam protegidos dos vírus que podem ser transmitidos por meio das vias respiratórias. Quem usa a máscara protege o outro e a si mesmo. 

 

Faz mal usar máscara enquanto se exercita?

Muitas pessoas têm reclamado do desconforto provocado pela máscara durante a prática da atividade física. Outras dizem que se sentem mal quando fazem esforço físico e precisam usar o acessório. Por que será que isso acontece?

Assim como impede a transmissão do vírus e das gotículas salivares, a máscara também dificulta um pouco a captação do oxigênio pelo nariz e pela boca, fazendo com que a respiração fique mais ofegante e mais lenta.

Por isso, a respiração pode ficar comprometida, se tornando mais dificultosa e exigindo mais esforço do indivíduo causando, por consequência, fadiga, cansaço extremo dentre outros sintomas.

Além disso, como estamos com uma parte do rosto coberta essa região costuma esquentar bastante, gerando mais desconforto, principalmente quando estamos praticando algum exercício aeróbico. A situação é mais crítica em regiões naturalmente mais quentes ou durante o verão.

Atletas também podem perceber queda no seu rendimento por causa do uso da máscara. Contudo, especialistas afirmam que tudo é uma questão de adaptação e que o corpo se acostuma sim com esse novo adereço com o passar do tempo.

Eles dizem ainda que o esforço que o indivíduo faz para respirar com a máscara durante o exercício é até vantajoso porque aumenta os níveis de resistência do organismo, aumentando a ventilação respiratória.

 

O que fazer para reduzir o desconforto?

O incômodo provocado pela máscara não deve ser desculpa para deixar de praticar atividade física. Existem maneiras de tornar esse momento mais agradável. Confira algumas dicas.

  • Use máscaras confortáveis e anatômicas que se adequem ao seu rosto;
  • Fique atento aos sinais do seu corpo. Caso perceba algum mal-estar mais intenso, pare o exercício, respire fundo e peça ajuda;
  • Beba bastante água. A máscara esquenta o rosto e torna o exercício mais desafiador. Manter-se hidratado é fundamental para manter o equilíbrio interno do organismo e afastar o calor;
  • Troque a máscara sempre que perceber que ela está úmida. Quanto mais molhada ela estiver, menos proteção ela oferece e ainda gera mais desconforto porque gruda na pele do rosto;
  • Reduza a intensidade dos exercícios, principalmente aqueles que exigem mais do corpo e do sistema respiratório como as atividades aeróbicas: correr, pular corda etc.

Como você viu, fazer exercício de máscara não faz mal, mas pode sim causar alguns incômodos principalmente se a atividade for bastante intensa. Mas, isso não é razão para ficar parado. Siga as nossas dicas, continue mexendo o seu corpo e garantindo uma vida mais saudável.

LEIA TAMBÉM:

Exercícios para lazer aumentam expectativa de vida em até sete anos

11 benefícios da caminhada para o corpo e a mente

A importância da atividade física para o bem estar emocional

Dydyo Refrigerantes